facebook

Mitos Sobre Sustentabilidade

A importância de quebrar mitos

O que você imagina quando te conto sobre uma mulher super esportiva? Alguém que pratica esporte todos os dias?

Será que é parecido com isso?

E quando te conto sobre uma amiga super sustentável? Alguém que não produz lixo nenhum, usa só produtos naturais, evite comer carne, …?

Será que você está pensando mais em algo nessa linha?

Mitos sobre sustentabilidade
Mitos sobre sustentabilidade: será que são verdadeiros ou será que podemos quebrá-los?

Você não está sozinha!

Hoje, uma vida sustentável é vista como algo que te limita e que tem um monte de restrições. Uma vida sustentável é difícil, e você tem que abrir mão de um monte de coisas. Você também tem que abrir a sua carteira porque uma vida sustentável é vista como cara. Você é louca, mas não no sentido bom.

Enquanto uma vida esportiva não tem essa imagem. É vista como algo que te possibilita, algo que requer determinação, foco e força. Você precisa superar um monte de desafios. Você vai ser vista como diferente ou louca fazendo algo que poucas pessoas fazem. Aqui ser louca é mega inspirador.

Olha esse vídeo da Nike.

“É só louca até você fazer.”

Quem não ficou animada? Quem não quer ser aquela mulher louca que desafia os limites e o jeito que coisas são feitas?

Então a minha dúvida é por que isso não existe para mulheres que desafiam o status quo da sociedade em termos de sustentabilidade também? Eu sei que existem muitos desafios mentais adotando uma vida sustentável. Sei que tem que ser criativa. Sei que uma vida sustentável requer um esforço à mais, especialmente no início. Sei também que poucas pessoas realmente agem. Sei que você está lutando contra muitos desafios e mitos.

Por que ninguém tem o sonho de ser sustentável?

Existem várias razões pela qual poucas pessoas têm o sonho de ser sustentável da mesma forma que querem ser mega esportiva. A sociedade não valoriza viver de forma sustentável muito…

Sim, elas vão falar ‘que legal’, ‘gostaria de ser mais sustentável’, ‘admiro o que está fazendo’, mas na realidade não é um desejo muito forte de ser sustentável. É visto como algo bonito e altruísta, mas meio bobo sem muitas vantagens. 

Por isso:

1. Você não vai ganhar dinheiro com uma vida sustentável (economizar dinheiro sim).
2. Não é algo visível. As pessoas não veem o que você faz na sua casa todo dia. Nem têm olimpíadas de quem é o mais sustentável.
3. É algo que muitas pessoas conseguem ser e deveriam ser. As dicas são representadas como fáceis para convencer mais pessoas a agirem (então não parece que tem aquele desafio que poucas conseguem fazer) e muitas pessoas agem por culpa e consciência (em vez de ver como algo impressionante ou inspirador).

Mas desconsiderando este último ponto, não é exatamente isso que essas mulheres no vídeo fizeram?

Elas não ganhavam dinheiro correndo uma maratona que era só para homens. Não era visto como algo legal. Ninguém valorizava. Ninguém prestava tanta atenção quanto. Elas eram vistas como pessoas estranhas ou extremas. Mas essas mulheres acreditavam em algo. Elas brigavam pelos direitos delas e um futuro melhor.

Quem vive de forma sustentável está fazendo a mesma coisa:

A sociedade não está montada para viver uma vida sustentável. Isso ainda é visto como algo estranho e extremo. Então viver de forma sustentável é um desafio. Não vou te falar que é fácil. Mas a gente acredita em algo. Estamos lutando pelos nossos direitos de viver em um mundo saudável e sustentável para todos. Um que ainda vai florescer e existir no futuro.

As nossas bolsas zero lixo de entrega já te falam: o futuro está em suas mãos.

Os benefícios de ser sustentável

Já sabe que viver de forma sustentável não é fácil, mas não quer dizer que não existem benefícios para você.

A motivação de viver de forma mais sustentável na maioria das vezes tem um objetivo altruísta (ajudar o mundo, fazer a minha parte, ajudar os animais, …) ou acha origem em uma sensação de culpa (de criar lixo, de emitir emissões, de gastar água, …).

Eu enxergava sustentabilidade desta forma no início também. Me sentia culpada e não queria ver o mundo e a natureza sofrendo por minha causa.

Mas depois um tempo eu percebi que não tinha só um efeito legal no mundo (mesmo sendo pequeno). Tinha um efeito legal em mim.

Hoje eu vejo sustentabilidade como uma plataforma para realizar os meus sonhos e alcançar os meus objetivos.

Ela me ajuda em ter uma saúde mental e física mais saudável e coloca o meu corpo na sua melhor versão possível.

Uma vida sustentável me ajudou a criar uma casa aconchegante e relaxante para me sentir segura e relaxada para poder refletir e trabalhar na minha saúde mental. Me ajudou a criar e manter um corpo saudável, que nutro bem. E me ajudou a economizar dinheiro de forma inteligente.

Tudo isso faz com que eu não quero voltar para o meu estilo de vida de antes. Mesmo se pessoas me enxergam como extremo ou diferente e mesmo se a sociedade não facilita. Sustentabilidade é a minha plataforma e base para viver a minha melhor vida.

Mas de novo, existem desafios. E para te ajudar a superar alguns desafios que você vai enfrentar ou para ter uma resposta para quem te critica e fala que você é estranha, tenho uns preconceitos e mitos para te contar e para quebrar!

Os preconceitos & mitos sobre sustentabilidade

Esses são mitos sobre sustentabilidade do meu ponto de vista. São preconceitos que enfrentei e que acho que vão ser relevantes para você, independente de se você só está começando agora ou se você está precisando de motivação.

MITO SOBRE SUSTENTABILIDADE: existem trocas fáceis

Provavelmente já ouviu que só precisa usar uma garrafa de água. Ou só levar bolsas próprias. Ou só comprar produtos mais ecológicos.

Eeh…

Não sei de vocês, mas eu sempre ia para o supermercado levando nada comigo. Tinham bolsas, sacolas, embalagens, … Tudo que precisava. Agora preciso lembrar de levar sacolas (e não as esquecer no carro depois). Não posso esquecer dos saquinhos para itens à granel. Ou um pote para colocar carne, frango ou peixe e uma caixa de ovos quando for para a feira.

Não é uma troca fácil. Pelo menos no início. Porque na verdade é um novo hábito.

Um hábito é algo que você faz sem pensar, é algo que você faz no automático. Mas é algo que você aprendeu. Agora você precisa sair deste automático para realmente lembrar e planejar de levar essas bolsas. Um desafio maior quando você vai para a academia antes, ou quando você volta de uma viagem mais cedo ou tarde do que esperava.

A mesma coisa vale para criar o hábito de usar uma garrafa de água reutilizável. É uma troca fácil e pequena, sim, mas exatamente por ser fácil, você esquece. E por isso que parece que nem as trocas fáceis você consegue e isso desmotiva.

MITO SOBRE SUSTENTABILIDADE: Sustentabilidade é difícil

“Ueh, você acabou de falar que essas trocas fáceis não existem e que é mais difícil do que a gente pensa!”

Sim! Pelo menos no início…

Isso é o lado bom de novos hábitos. Depois que eles viram hábitos de verdade, eles são automáticos e confortáveis. E assim que você percebe os benefícios, você nem vai entender por que não fazia isso antes.

Muitas pessoas também ficam perdidas no início. Elas não sabem por onde começar porque existem tantas dicas fáceis. Aí querem fazer tudo de uma vez ou travam de ter tantas opções e fazem nada.

Aí sempre trago esta imagem:

Mitos de Sustentabilidade Solução: fazer um por um
Como abordar os mitos sobre sustentabilidade / Crédito: Pinterest

Conseguir uma vida sustentável é que nem (des)montar uma parede ou uma casa. Você começa com um tijolo (um novo hábito) por vez.

Então faça a mesma coisa para montar a sua vida sustentável: começa com um hábito por vez.

Pelo menos no início. E assim que tiver a sua base e mais experiência, você vai ver o resultado muito mais rápido e quem sabe vai poder colocar dois tijolos ao mesmo tempo.

Depois de colocar todos os tijolos (implementar todos os novos hábitos) você vai ter a casa dos seus sonhos. Alguns hábitos vão ser mais difíceis de implementar e alguns vão ser super fáceis. Alguns vão economizar dinheiro e alguns vão ser um investimento em você. Por isso que você começa com aquele tijolo que te parece ser o mais legal. É uma jornada que tem que aproveitar. E como qualquer jornada, você vai sempre se desafiar mais, você vai aprender um monte de coisas novas e sair mais sábio e forte!

MITO SOBRE SUSTENTABILIDADE: Sustentabilidade é para quem não tem uma vida e só cuida da casa

Esse mito é muito relacionado com o de cima.

Sim, no início viver de forma sustentável pode ser difícil e ocupar muito do seu tempo, mas quando viram hábitos, não vão ocupar tanto tempo. Por isso também que é tão importante começar com 1 novo hábito por vez em vez de querer fazer todos ao mesmo tempo. Cada um no seu ritmo.

Em muitos casos você até vai economizar tempo vivendo de forma sustentável. Especialmente reutilizando produtos e comprando em bulk em vez de recomprar e gastar mais tempo no supermercado. Nem vai precisar descer com o lixo o tempo todo porque não tem mais tanto.

Sustentabilidade também é sobre simplificar. E isso é algo que vai te economizar muito tempo também no dia a dia.

Olha este vídeo sobre minimalismo.

Agora você entendeu que simplificar as coisas vão criar tempo para fazer coisas que te deixam felizes de verdade. Em vez de gastar tempo organizando e limpando coisas, você vai ter tempo para ler aquele livro, ou para sair com amigos, ou para assistir mais um episódio no Netflix 😉

Sustentabilidade é a mesma coisa. Em vez de descer com o lixo, usar um produto de limpeza diferente para cada superfície em casa, procurar estacionamento para o seu carro ou recomprar descartáveis novos no supermercado o tempo todo, você vai poder fazer o que que quiser. Seja relaxar, seja ir atrás o seu sonho.

MITO SOBRE SUSTENTABILIDADE: minhas ações não fazem a diferença

Essa (desculpa) já ouvi muito: “Ah, mas se ninguém faz, por que que eu vou fazer? Não adianta.”

E está certíssima. Você não vai mudar o mundo sozinha.

Mas quem disse que você precisa mudar o mundo? Quem disse que sustentabilidade não pode ter um impacto positivo na sua vida e na vida das pessoas mais próximas de você?

Uma atleta muda o mundo? Uma mulher tentando correr uma maratona não. Mas essa mulher trabalhou na saúde dela, realizou um sonho dela e inspirou 20 outras mulheres a correrem também.

Uma vida sustentável te ajuda

Será que usar uma garrafa de água reutilizável não te ajuda a beber mais água? Ou que produtos sem ingredientes agressivos não serão melhores para a sua saúde? E será que gerar menos lixo não diminui a quantidade de vezes que precisa descer com o lixo, aguentar o cheiro ou se preocupar com sacolas de lixo? E será que comprando hortifruti da estação e nacional não te traz mais nutrientes? Ou que não é menos caro?

Uma vida sustentável ajuda outras

E não está ajudando o produtor local e a economia local do seu país e região? Não está mostrando para outras pessoas que você está jogando lixo na lixeira em vez de no chão? Você não está ajudando a diminuir o aterro? Ou diminuindo a conta de água e de eletricidade do seu prédio?

Então talvez você não mude o mundo, mas com certeza vai mudar o seu mundo. Com certeza vai ter uma grande influência na vida da sua família e dos seus amigos mais próximos. Com certeza vai ter uma influência positiva na vida dos produtores locais. Com certeza vai ter uma pequena influência na sua cidade.

MITO SOBRE SUSTENTABILIDADE: sustentabilidade ajuda o planeta e futuras gerações

Bom, esse não é 100% um mito, mas existem muitas coisas que eu omito se falasse que só vivo de forma mais sustentável por motivos altruístas. Tudo bem que comecei assim, mas não é só por isso que estou continuando.

O que que estaria omitindo:

Exatamente as razões e as perguntas do mito acima: sustentabilidade tem um impacto direto na sua vida e saúde. Escrevi um artigo sobre como sustentabilidade ajuda você a ter uma casa mais sustentável aqui. E como sustentabilidade te ajuda a ter um corpo que te habilita ir atrás os seus sonhos aqui.

Então não faça por culpa, consciência ou só porque é altruísta e te deixa sentir bem. Faça porque te ajuda também, e porque isso ajuda a sua família e o seu ambiente. Vai ser mais fácil de continuar assim que você vê os benefícios para você e o seu ambiente imediato. Em vez de virar uma tarefa ou obrigação por consciência a mais, vai virar uma forma de se sentir bem e de alcançar os seus sonhos. Se você alcança os seus sonhos, o mundo vai ser um lugar mais feliz (e sustentável) por causa disso.

mito SOBRE SUSTENTABILIDADE: sustentabilidade é para hippies e para quem abraça árvores

Quando era mais nova e queria fazer coisas mais sustentáveis, ouvia isso muito de pessoas próximas a mim.

“Ah, você é uma daquelas que abraça árvores.”

Sustentabilidade é visto muito como algo não luxuoso, algo feio, algo que não funciona tão bem quanto as alternativas químicas.

Mas está claro agora que isso veio de uma época de marketing de muito materialismo. Em vez de continuar usando as roupas que a gente já tem, você precisa trocar as suas roupas pelo menos uma vez por ano. Em vez de usar os produtos naturais que as nossas avós e bisavós usavam por muito tempo, de repente não servissem mais e precisamos de um produto super químico específico para cada cantinho na sua casa.

Na verdade, não é bem assim. Poder usar o poder da natureza é um luxo. Poder morar em uma casa natural, limpa e sem químicos agressivos é um luxo porque quase não existe mais.

Reutilizar coisas em vez de jogar fora economiza tempo. Por exemplo um pano de cera reutilizável: não é extremamente bonito e super prático? Ou ecodiscos reutilizáveis, guardanapos de pano ou um raspador de língua? Em vez de comprar novos exemplares o tempo todo, você usa o que já tem.

Viver de forma sustentável não é ser um hippie. É ser inteligente. É um luxo. É um investimento em você.

mito SOBRE SUSTENTABILIDADE: Sustentabilidade é cara

Coloquei este mito de propósito em baixo para poder explicar um dos mitos sobre sustentabilidade mais famosos: que uma vida sustentável é cara.

Sim, viver uma vida sustentável é um luxo, mas isso não quer dizer que é mais caro!

Já fiz a conta de vários produtos. Por exemplo em shampoo sólido, multiuso concentrado, ecodiscos, … e isso sem contar todos os benefícios de saúde claro. Todos valem super a pena e saem bem mais barato do que as alternativas não sustentáveis no mercado.

Mas você só percebe isso fazendo a conta, principalmente porque produtos sustentáveis são… bem, sustentáveis (no sentido original da palavra). Eles duram muito mais. Por isso que de cara eles parecem ser mais caros.

Por isso não chamo eles de caro, mas de investimentos. Investimentos inteligentes.

(É claro que não todo mundo consegue fazer esses investimentos. Quem está preocupada com a conta no final da semana talvez não vá conseguir fazer este investimento.)

MITO SOBRE SUSTENTABILIDADE: Você precisa abrir mão de muita coisa e viver como uma monja

Me fale, qual dessas frases você já ouviu:

– não pode mais voar ou viajar
– não pode mais comer carne nem peixe
– não pode mais comprar novas roupas
– não pode mais andar de carro
– não pode ter mais filhos
– …

Não estou dizendo que essas frases são mitos, nem que você não ajudaria o planeta se fizesse todos esses. Ajudaria um monte.
O que quero dizer aqui é que às vezes não é realista não voar ou não andar de carro. Ou comprar um carro elétrico. A ideia não é que você não compra comida porque esqueceu da bolsa reutilizável.

Quem sabe você tem um sonho muito grande de ter filhos. Não precisa se sentir culpada em relação a isso. Se uma dessas frases parece ser fácil de aplicar, eita, perfeito! Se não, não precisa se sentir culpada.

Em vez disso, você pode pensar em como reduzir. Por exemplo viajar dentro do Brasil em vez de uma viagem internacional, ou conhecer o mundo culinário vegetariano, ou optar pela bicicleta de vez em quando, … Mas não precisa abrir mão de tudo e dar ouvido às pessoas que te deixam sentir culpada. Faça o máximo possível que puder e usa a sua voz para incentivar o mercado a achar soluções melhores e sustentáveis para aquelas coisas que não são viáveis na sua realidade.

mito SOBRE SUSTENTABILIDADE: para ser sustentável, basta reciclar

Reciclar é melhor do que jogar nos aterros, sem dúvida. Mas tem algo ainda melhor do que reciclar: evitar!

Você pode fazer isso repensando as suas opções, comprando itens reutilizáveis, consertando as suas roupas e máquinas, reduzindo a quantidade de coisas, bolsas plásticas ou papeis que usa, reaproveitando uma roupa antiga que não pode doar mais como pano de chão, …

Existem várias etapas antes de reciclar. A reciclagem é a última etapa na sequência dos R’s de sustentabilidade (Repensar, Reduzir, Reutilizar, Reciclar & Compostar).

Esfoliante Caseiro e Natural de Café
Um esfoliante caseiro feito com café moído. Você pode até usar o café já usado. Assim você evita lixo orgânico e não precisa gastar embalagens nenhumas.

MITO SOBRE SUSTENTABILIDADE: é sempre melhor fazer uma versão caseira do que comprar em uma loja

O bom de receitas caseiras é que você sabe exatamente o que está dentro. O ruim é que você pode estar gerando mais lixo do que comprando um produto já pronto. Então seja atenta na hora de fazer os seus próprios produtos em casa. Será que realmente está economizando embalagens e lixo?

MITO sobre sustentabilidade: pessoas que se importam com sustentabilidade são pessoas sérias e chatas que não vivem direito

Ops! Está na hora de reler todos os preconceitos de novo porque você já vai saber que nada disso é verdade.

Gente sustentável investe melhor, aloca melhor o seu tempo para criar tempo para outras atividades mais úteis e legais. Elas são criativas nas soluções e treinam a mente para aprender novos hábitos. Elas não têm medo de experimentar coisas novas e sempre têm uma mente aberta. Elas são influências boas no ambiente mais perto deles e no meio ambiente. Elas desafiam o status quo, lutam pelos direitos delas e inspiram outras. É só dessa forma que você realmente terá novas experiências e vive de verdade.

Não sei você, mas eu acho isso impressionante.

Conclusão

Esses são os mitos sobre sustentabilidade. Desafiando-os, você será uma das pessoas que serão exemplos e inspiração para outros. O que escrevi aqui são todos os preconceitos que identifiquei e quebrei na minha jornada sustentável.

No texto falo de um momento na vida onde ficava com vergonha de falar que acredito em sustentabilidade por causa de todos esses preconceitos. Hoje sou super orgulhosa de tudo que já aprendi, tudo que já superei e da forma que consegui incorporar sustentabilidade na minha vida.

A minha maior lição? Que sustentabilidade possibilitou muito para mim. Não é uma tarefa a mais. É uma maneira de cuidar de mim e uma plataforma para alcançar os meus sonhos e objetivos com um corpo saudável e uma casa e ambiente natural.

Se você quer isso para você também, lembre-se de todos esses mitos sobre sustentabilidade e começa a implementar um novo hábito atrás do outro. Tenho certeza de que vai conseguir.

Um beijo!

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe uma resposta

Carrinho de compras
Junta-se à lista de espera Deixe o seu email aqui e te avisaremos quando voltar no estoque.
Abrir Chat
Precisando de ajuda?
Oi! 👋
Como podemos te ajudar?
%d blogueiros gostam disto: